Luciane Lourenço

Parque Municipal Henriqueta Libertucci é alvo de requerimento

Publicado em: 04/02/2021 15:30

Whatsapp

 

Vereadora Luciane Lourenço fala sobre seu requerimento na palavra livre final

Parque Municipal Henriqueta Libertucci é alvo de requerimento

Vereadora Luciane Lourenço fez a matéria solicitando informações sobre o parque

O Requerimento nº 27/2021, de autoria da vereadora Luciane Lourenço (PSD), foi apresentado na 2ª Sessão Ordinária realizada na segunda-feira (01/02). A matéria solicita informações sobre o Parque Municipal Henriqueta Libertucci.

No requerimento, Luciane Lourenço questiona sobre os animais que o parque abriga, o alimento que é dado para cada animal e em qual horário, além de perguntar sobre o número e a função de funcionários do parque. Segundo a vereador, protetoras de animais a procuraram com os questionamentos.

Na discussão do requerimento, o vereador João Lázaro (PSDB) veio a tribuna para comentar sobre a matéria. “Eu quero parabenizá-la pelo requerimento, vou subscrevê-lo, mas vou adiantar algumas informações.”

O parlamentar trabalha no parque há 11 anos. “Lá no parque tem pato, ganso, marreco, ratão-do-banhado, galinha, galo galizé e está aberto das 7h às 17h. Por conta da pandemia, o parque foi recentemente fechado aos finais semana”, afirmou.

João Lázaro disse que o parque está aberto para quem quiser visita-lo e questionar os funcionários sobre o seu funcionamento. “O parque passou por muita dificuldade e durante três anos e meio nós vivemos pedindo doação de alimento porque não temos um veículo para ir até quitandas ou mercados pegar uma sobra de alimento.”

O vereador questionou o porquê de nenhuma protetora de animais ter procurado o parque. “Ninguém perguntou o que nós estamos precisando e o parque está aberto para todos, quem quiser ir lá, por favor, fique à vontade. Nós precisamos de pessoas que caminhem com a gente, que nos ajude.”

A forma como foram feitos os questionamentos levantou dúvidas em João Lázaro. “Os questionamentos foram feitos de uma forma querendo criticar. É fácil atirar pedra, mas estender a mão e querer ajudar é difícil. E as dificuldades estão aí, principalmente por causa da pandemia e nós não fugimos à regra”, completou.

Na palavra livre final, Luciane Lourenço usou seu tempo para comentar sobre o requerimento. “Senhor vereador João Lázaro, as protetoras não estão criticando, elas estão solicitando informações que é um direito de qualquer cidadão e a minha obrigação é atender a essas solicitações e todas as outras”, pontuou.

A vereadora afirmou que a pessoa que levantou os questionamentos visita o parque. “Talvez o senhor não conheça todas as protetoras e talvez ela também não tenha uma proximidade com o senhor para fazer esses questionamentos.”

Segundo Luciane Lourenço, as protetoras de animais da cidade já fazem um trabalho com animais de rua com recursos próprios. “E como eu disse, elas já estão abarrotadas com cachorros e gatos em suas casas. O parque possui funcionários, então acredito que as protetoras não teriam nenhuma obrigação de ir lá e ajudar”, concluiu reafirmando que o requerimento não é uma crítica ao parque.

A matéria foi aprovada por unanimidade e será encaminhada para o Executivo Municipal responder.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Porto Ferreira