Geral

Trabalho da ONG Casa Reamar é acompanhado por vereadores

Publicado em: 23/06/2021 11:30

Whatsapp

 

Luciane Lourenço, Bruno Silva, Alan João, Priscila Franco e Lucas Santos durante a visita na ONG Casa Reamar

Trabalho da ONG Casa Reamar é acompanhado por vereadores

Alan João, Priscila Franco e Luciane Lourenço visitaram a ONG na última segunda-feira

Na manhã de segunda-feira (21/06), o presidente da Câmara Municipal de Porto Ferreira, vereador Alan João (PSD), junto com as vereadoras Priscila Franco (PSDB) e Luciane Lourenço (PSD) estiveram na ONG Casa Reamar que acolhe crianças e adolescentes do município.

Os vereadores foram recepcionados pelo coordenador da instituição Bruno Silva e pelo psicólogo Lucas Santos que contaram a eles sobre o dia a dia da instituição e um pouco da história da ONG nesses mais de dois anos desde sua criação.

A ONG Casa Reamar é responsável, atualmente, por abrigar sete crianças e adolescentes entre zero a 17 anos e possui uma equipe especialista e com experiência em instituições de acolhimento que contempla assistentes sociais, psicólogos, pedagogos, entre outros.

Criada em março de 2019 em parceria firmada entre a Prefeitura Municipal de Porto Ferreira e a entidade Associação de Assistência ao Menor Fonte de Água Viva, a Casa Reamar já acolheu mais de 320 crianças e adolescentes que integram o Serviço de Alta Complexidade do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

As crianças acolhidas recebem condições dignas de moradia, alimentação, educação, vestuário, além de atendimento odontológico, médico, psicológico e social. O objetivo é auxiliá-las a superar vivências de separação e violência e proporcionar autonomia e inserção social, restabelecendo vínculos familiares ou reinserção em famílias substitutas.

Bruno Silva agradeceu a vinda dos parlamentares e ressaltou a importância e o impacto que as visitas têm para as crianças e adolescentes assistidos. Ele também detalhou sobre todo o trabalho realizado, as dificuldades e necessidades da ONG para prestar um acolhimento satisfatório.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Porto Ferreira