Sessões Legislativas

Títulos de Cidadão Ferreirense são definidos em votação secreta

Publicado em: 04/08/2021 15:00

Whatsapp

 

Vereadores contabilizam os votos que concedeu o título ao médico Dr. Weber na sessão do dia 02 de agosto

Títulos de Cidadão Ferreirense são definidos em votação secreta

Os títulos serão concedidos ao vice-prefeito Dr. Saldanha e ao médico cardiologista Dr. Weber

Os Títulos de Cidadão Ferreirense foram definidos pelos vereadores nas duas últimas sessões ordinárias após a votação dos projetos de Decreto Legislativo. Os títulos serão concedidos ao vice-prefeito, Dr. Saldanha Leivas Cougo, e ao médico Dr. Weber Spegiorin Souza Leite.

Os nomes dos homenageados foram sugeridos por meio de indicações. A Indicação nº 267/2021, apresentada na sessão do dia 03 de maio pelo presidente da Câmara, vereador Alan João (PSD), sugeriu o nome do vice-prefeito, Dr. Saldanha Leivas Cougo.

Já a Indicação nº 409/2021, de autoria do vice-presidente da Câmara, vereador Sérgio de Oliveira (DEM), propôs o nome do médico Dr. Weber Spegiorin Souza Leite e teve seu despacho favorável na sessão do dia 19 de julho.

As Comissões de Justiça e Redação e Finanças e Orçamento apresentaram os projetos de Decreto Legislativo nº 03/2021 e 04/2021 que indicaram os nomes para a votação secreta.  As votações foram realizadas no dia 19 de julho e no dia 02 de agosto, aprovando, respectivamente, os nomes do Dr. Saldanha e do Dr. Weber.

Na sessão do dia 19 de julho, vereadores contam os votos que concedeu o título ao vice-prefeito Dr. Saldanha

Dr. Saldanha Leivas Cougo

O primeiro nome escolhido a receber o título de Cidadão Ferreirense aprovado pelos vereadores, Dr. Saldanha Leivas Cougo nasceu em Bagé, no Rio Grande do Sul, em 1954. Na infância, o vice-prefeito de Porto Ferreira teve contato com a política e vivenciou de perto as consequências do Golpe Militar, tendo seu pai sido exilado no Uruguai.

Em 1980, Dr. Saldanha se formou em medicina na Fundação Universidade do Rio Grande (Furg) vindo, no mesmo ano, para Campinas onde cursou Medicina do Trabalho na Universidade Estadual de Campinas. No ano seguinte, buscando desafios profissionais se estabeleceu em Analândia onde foi diretor clínico do hospital e maternidade do município.

A chegada em Porto Ferreira aconteceu no ano de 1984, ficando, a partir de então, raízes na cidade. No estado de São Paulo, o médico fez vários cursos enriquecendo seu currículo profissional. Foi diretor clínico da Irmandade de Misericórdia de Porto Ferreira por duas vezes e teve uma breve passagem em Diadema, onde foi diretor técnico do Hospital São Lucas. Atualmente, atua como médico perito do DETRAN por conta de seu título de Especialista em Medicina do Tráfego.

Na política, é pela terceira vez vice-prefeito de Porto Ferreira, sendo, pela segunda vez, vice do prefeito Rômulo Rippa. Uma de suas principais atuações foi interceder junto ao deputado federal Newton Lima para a concessão do título de “Capital Nacional da Cerâmica Artística e da Decoração”, além de assinar a Lei nº 2.872, de 26 de outubro de 2011 que criou a “Semana Cultural Lourenço Filho”.

Dr. Saldanha é pai de Rafael Cougo, Saldanha Júnior e Luiz Augusto tendo também três netos, Eduardo, Manuela e Enzo. O médico é casado com Paula Cristina Soares Cougo, assistente social e empresária.

Dr. Weber Spegiorin Souza Leite

O médico escolhido para receber o título de Cidadão Ferreirense nasceu em São Paulo, em 1975, e se mudou, ainda na infância, para o interior de Goiás, na cidade de Itumbiara. Posteriormente, foi para Uberlândia onde se preparou para o vestibular, passando no curso de medicina na Universidade Federal do Pará, ingressando em 1995.

Na faculdade, foi presidente do Diretório Acadêmico durante dois anos, lutando por melhorias de diversos setores para o curso de medicina. Quando concluiu o curso, retornou para o interior de São Paulo, vindo para a cidade de Ribeirão Preto onde ingressou na Residência de Cardiologia do Hospital Santa Casa de Ribeirão Preto.

Após a conclusão de sua residência médica, o Dr. Weber veio para Porto Ferreira, em 2005, fixando residência na cidade e ingressando no corpo clínico da Santa Casa de Porto Ferreira, sendo onde iniciou o seu trabalho como cardiologista dentro do hospital e, também, na Clínica Cardio Center, trazendo diversas inovações, realizando exames que foram pioneiros em métodos de diagnósticos na área de cardiologia.

Entre os anos de 2009 e 2010, foi eleito diretor clínico do Hospital Dona Balbina tendo contribuído para a criação da ASSOMED-HDB (Associação dos Médicos do Hospital Dona Balbina) e participado de diversas melhorias no hospital, como reforma da sala de monitorização, atual UTI, e construção do Pronto Socorro, sendo hoje considerado modelo no atendimento de urgência e emergência no interior paulista.

Dr. Weber foi um dos idealizadores do Projeto “Bate Coração”, dedicando-se à população ferreirense entre os anos de 2007 a 2013, cujo objetivo era a prevenção das doenças relacionadas à hipertensão, diabetes, obesidade e combate ao tabagismo, além de estimular mudanças de hábitos para uma vida mais saudável com a prática de exercícios físicos e orientações dietéticas.

Atualmente, é chefe do Departamento da Clínica Médica do Hospital Dona Balbina e também diretor técnico do Convênio Dona Balbina e do Hospital, além de exercer a função de plantonista da UTI e de atuar na área de Cardiologia na Clínica Cardio Center.   

Outra atuação do médico é o voluntariado que realiza na entidade Solar dos Jovens de Ontem, atuando há mais de dez anos no local onde presta assistência como Clínico Geral e Cardiologista semanalmente.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Porto Ferreira